top of page

EJA Profissionalizante garante vaga no mercado de trabalho e devolve esperança para aqueles que não concluíram os estudos

press to zoom

press to zoom
1/1

“Desisti por várias vezes e falei para mim mesma que não faria mais isso. Graças a essa persistência e incentivo dos professores, consegui concluir o ensino médio e garantir o meu sustento”, afirma Maria Beatriz, de 24 anos, ex-aluna do Centro de Educação do Trabalhador João Mendonça Furtado – CET/SESI, que mudou de vida ao finalizar os estudos na modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA) Profissionalizante em parceria com o SENAI/RR. Assim como tantas outras jovens, Beatriz precisou interromper os estudos aos 15 anos de idade, devido uma gravidez. Os anos se passaram e em 2021, durante a pandemia, ela resolveu voltar à sala de aula para finalizar o ensino fundamental e consequentemente o ensino médio. “Fiquei sabendo da vaga através das redes sociais e logo me inscrevi. Fiz o Reconhecimento de Saberes e fui aprovada em três disciplinas, porém devendo uma. No começo tive dificuldade, mas desistir não era mais uma opção”, afirma.

Segundo a ex-aluna, a EJA Profissionalizante foi um divisor de águas em sua vida, pois por meio dela pôde fazer o curso de confeitaria, o que se tornou a sua principal fonte de renda e deu a ela oportunidade de pagar a mensalidade do curso técnico em enfermagem. A história de Maria Beatriz se soma a de milhares de jovens de todo o país, que por diferentes motivos abandonam os estudos, mas ainda sonham com o diploma e um emprego digno. E graças ao SESI em parceria com o SENAI, muitas pessoas podem realizar esse sonho. “Passei no vestibular e vou fazer a faculdade que sempre quis, que é Enfermagem. Valeu a pena cada momento e agradeço a toda a equipe, pois o SESI me ajudou muito”, garante a ex-aluna. Em Roraima, mais de 150 pessoas já foram capacitadas pela EJA Profissionalizante do SESI. Nosso objetivo é favorecer o acesso à educação gratuita e de qualidade àqueles que não conseguiram terminar os estudos na idade adequada, de modo que essas pessoas não fiquem estagnadas na carreira, mas possam em um tempo menor, concluir a educação básica e planejar o futuro profissional.

 

Outro caso de grande sucesso é do Jonathan Dias Alves, de 34 anos. Hoje soldado da Polícia Militar, ele conta que voltou à sala de aula há 10 anos, para concluir o ensino fundamental, interrompido na 6ª série. “Sempre tive vontade de voltar aos estudos e depois de concluir o ensino fundamental. Decidi fazer EJA porque já iria sair com uma profissão. Fiz o curso de eletricista e mesmo não atuando na área, foi muito importante para eu manter uma rotina de estudos”, conta o policial. O foco e a dedicação do soldado foi tanta, que garantiu a ele a aprovação em três concursos públicos estaduais, sendo Codesaima, Polícia Penal e Polícia Militar, além de uma vaga no curso superior de Segurança Pública, previsto para concluir em 2023. “O SESI foi uma benção de Deus na minha vida”.

Matrículas Abertas

Ao todo, o SESI/RR está ofertando 290 vagas para o Ensino Médio, de maneira 100% gratuita e voltadas para os trabalhadores da Indústria e também para a comunidade em geral. As inscrições estão sendo realizadas na secretaria da Escola, localizada na av. Brigadeiro Eduardo Gomes, 3786, bairro Aeroporto, no horário das 7h às 19h, até o dia 6 de fevereiro ou enquanto houver vagas. Para efetuar a matrícula, os interessados

deverão apresentar as cópias e originais dos seguintes documentos: RG, CPF, uma foto 3x4, comprovante de residência atualizado, histórico escolar, certificado no ensino fundamental e declaração do ENCCEJA, caso necessário. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato com a Secretaria da Escola do SESI/RR no número (95) 98126-0099.

ASCOM SITEMA INDÚSTRIA

(95) 4009-1874

bottom of page